Faixa publicitária

Colexpla – Festival Internacional de Exploração Sonora, 12 a 15 set, Teatro Carlos Alberto

tecaColexpla – Festival Internacional de Exploração Sonora

12 a 15 setembro, Teatro Carlos Alberto

O Teatro Carlos Alberto acolhe e coproduz com a Sonoscopia a primeira edição do Colexpla – Festival Internacional de Exploração Sonora. Comprometido com a difusão das novas formas de expressão musical nos domínios da música experimental, improvisada, eletroacústica e da arte sonora, o Colexpla surge da herança do Co-Lab – Festival Internacional de Música Experimental, realizado no Porto entre 1998 e 2003. As suas cinco edições contribuíram para a definição da identidade estética de vários músicos portuenses, tendo sido fundamentais para a criação dos pilares daquilo que viria a ser a Sonoscopia. Quinze anos depois, o Colexpla visa continuar e renovar esse legado, tomando o pulso ao estado atual da música exploratória, refletindo e interferindo sobre ele, potenciando possíveis repercussões na criação artística portuguesa. O festival privilegiará áreas tão diversas como a expressividade musical através de novos instrumentos, as novas formas de interatividade na improvisação, as contaminações entre composição e improvisação ou a instalação sonora como forma musical. Fomentando a discussão e o conceito de liberdade inerente à sua matriz, o Colexpla emparelha novos artistas e nomes fortes da improvisação/experimentação internacional, em concertos, instalações sonoras, um workshop e uma conversa.

conceção e direção Gustavo Costa, Patrícia Caveiro | programação Gustavo Costa, Sara Gomes | direção técnica Alberto Lopes | luz Mário Bessa | produção executiva Patrícia Caveiro | coprodução Sonoscopia, TNSJ

teca2Imóvel

19 a 23 setembro, quarta a sexta 21h | sábado 19h | domingo 16h, Teatro Carlos Alberto

“Imóvel” vai acontecer fora das quatro paredes de um teatro, numa sala de reuniões de condomínio num qualquer prédio da cidade do Porto, um prédio igual a tantos outros, com moradores alheados e vizinhos ensimesmados, ilhas de solidão. Há uma reunião de condomínio onde se esgrimem razões e se adiam soluções, uma reunião que vai arrancar do isolamento um grupo de pessoas muito ciosas da sua independência e identidade. A última vez que o encenador Hugo Cruz e a escritora Regina Guimarães se cruzaram na ficha artística de um espetáculo coproduzido pelo TNSJ foi em “MAPA – O Jogo da Cartografia” (2016), espetáculo que olhava para o Porto e ensaiava outra cidade. Imóvel volta a colocar a cidade e a cidadania no centro das operações, reivindicando o desejo de voltarmos a ser e a pensar e a estar juntos, em comunidade. Imóvel é um retrato em movimento de uma geração urbana, individualista e letárgica, uma geração a caminho da ternura dos quarenta, com um discurso eloquente mas estéril, corpos paralisados perante um mundo que ruiu e que urge reconstruir…

criação coletiva, conceção e direção Hugo Cruz | texto Regina Guimarães | sonoplastia Rodrigo Malvar | desenho de luz Wilma Moutinho | cenografia Hugo Ribeiro | figurinos Vitor Alves da Silva | produção executiva Carina Moutinho | registo vídeo e fotográfico Patrícia Poção, TNSJ | interpretação Margarida Fernandes, Sérgio Anjos, Susana Madeira, Vitor Alves da Silva | coprodução Nómada, TNSJ | apoio CAIS, Fundação GDA, Mira Artes Performativas

teca3Ter Razão

26 a 30 setembro, quarta a sexta 21h | sábado 19h | domingo 16h, Teatro Carlos Alberto

“Ter Razão” anda às voltas com problemas de estacionamento, engarrafamentos monumentais e pessoas que se travam alegremente de razões. Fala-nos de ter razão, de não conseguir deixar de ter razão, de gostar de sofrer para ficar com a razão e, mais dramático ainda, de esticar o momento em que se tem razão para lá do razoável.

texto e encenação Ricardo Alves | música Ricardo Pinto | desenho de luz José Álvaro Correia | cenografia Sandra Neves | figurinos Inês Mariana | interpretação Emília Silvestre, Jorge Pinto, Ivo Bastos, Teresa Arcanjo | cocriação Ensemble – Sociedade de Actores, Teatro da Palmilha Dentada | coprodução Ensemble – Sociedade de Actores, Casa das Artes de Vila Nova de Famalicão, TNSJ

Teatro Carlos Alberto (TeCA)

Rua das Oliveiras, 43

4050-449 Porto

www.tnsj.pt

Informações Linha Verde TNSJ - 800 10 8675

Número grátis a partir de qualquer rede

e-max.it: your social media marketing partner
Faixa publicitária