Circuito de visita da Sé do Porto vai ser reabilitado

Atenção, abrirá numa nova janela. PDFVersão para impressãoEnviar por E-mail
se_portoA Sé do Porto, que já está a sofrer alguns trabalhos de reabilitação, vai ter “a breve prazo” um conjunto de novas obras, que incluem uma reestruturação do circuito de visita do edifício histórico.

As obras de reabilitação, promovidas pela Direção Regional de Cultura do Norte (DRCN) e pela Fábrica da Catedral do Porto, estão orçadas em 636 mil euros e inserem-se na Operação Rota das Catedrais a Norte, que é comparticipada em 85% pelo Programa Operacional Norte 2020 e Fundo Europeu de Desenvolvimento Regional.
A DRCN anunciou em comunicado a realização das novas obras, explicitando que, no que diz respeito ao circuito de visita, a sua reestruturação implicará uma “redução de barreiras arquitetónicas e infraestruturas técnicas” e um reforço da escadaria Nasoni, construída pelo famoso arquiteto italiano Nicolau Nasoni, e que conduz ao primeiro piso do claustro gótico da Sé.
A reabilitação da Sé do Porto - edifício dos séculos XII e XIII, tendo sofrido grandes remodelações nos séculos XVII e XVIII - irá ainda passar pela substituição da cobertura da Capela-Mor, reforço estrutural da abóbada em pedra, associando trabalhos de conservação no retábulo-mor.
De referir que foram já concluídos trabalhos de conservação e restauro da caixa dos dois órgãos da capela-mor e das suas dependências diretas, além do reforço estrutural dos varandins dos dois órgãos. Ainda a decorrer estão os trabalhos de conservação e restauro do vitral do transepto sul.
Além da Sé do Porto, a Operação Rota das Catedrais a Norte integra as catedrais de Braga, Viana do Castelo, Vila Real, Lamego, Bragança e a concatedral de Miranda do Douro.
e-max.it: your social media marketing partner
Faixa publicitária
Faixa publicitária