Faixa publicitária

Dia Nacional da Gastronomia Portuguesa

gastronomia2Porque é à mesa que nos entendemos!

Nos dias 26 e 27 de maio, o Cais de Gaia vai transformar-se num verdadeiro ponto de encontro dos melhores sabores nacionais, com a celebração do Dia Nacional da Gastronomia Portuguesa. Depois de Aveiro em 2016 e Lisboa em 2017, chegou a vez de Gaia ser a anfitriã desta terceira edição.

São vários os momentos que têm vindo a decorrer em todo o país ao longo das últimas semanas, sendo precisamente o fim de semana de 26 e 27 de maio o ponto alto desta ação nacional de defesa e divulgação da nossa gastronomia.

Destaque para o papel fundamental das confrarias gastronómicas na divulgação dos melhores sabores nacionais e esta ação não é exceção.

Já no Cais de Gaia são mais de 60 os expositores que durante todo o fim de semana vão animar a marginal da cidade com os seus melhores produtos.

gastronomia3Esta festa da Gastronomia Portuguesa reúne ainda alguns dos seus mais importantes representantes, os restaurantes de todo o país. Assim, ao longo de toda a semana que antecede o evento, mais de uma centena de restaurantes espalhados por todo o país vão disponibilizar um prato tradicional com ofertas ou descontos até 50%. Este ano a rede de restaurantes será também alargada a espaços portugueses no mundo, com o conjunto de restaurantes na rede Taste Portugal.

“O público sempre reagiu de forma muito positiva às nossas ações, não só porque os sabores portugueses encantam e convencem, mas também porque se apaixonam pelas histórias, pelas tradições, pelo saber-fazer, pelos protagonistas, por tudo o que envolve a gastronomia. É um todo que se descobre e, hoje, todos querem conhecer melhor a nossa gastronomia. Faz parte de uma nova cultura que já não é só rural, mas também urbana”, começa por nos explicar Olga Cavaleiro, presidente da Federação Portuguesa das Confrarias Gastronómicas.  

gastronomia1Uma iniciativa carimbada no país

Olga Cavaleiro refere que “o Dia Nacional da Gastronomia Portuguesa foi instituído, por unanimidade, pela Assembleia da República em 2015 após proposta da Federação Portuguesa das Confrarias Gastronómicas. Considerávamos que perante a transversalidade da gastronomia era importante instituir um dia que lembrasse a sua importância histórica, cultural, económica e social. Porque gastronomia é nutrição e alimentação saudável, história e ‘estórias’, tradições culturais, religiosas e pagãs, produtos tradicionais e qualificados, elemento de atração turístico, convivialidade à mesa, em suma, é elemento que favorece o desenvolvimento dos territórios, queríamos ter a oportunidade de desenvolver atividades em que todas estas vertentes viessem ao de cima e marcassem positivamente os territórios”.

E acrescentou: ”Na verdade, era nossa convicção de que o Dia Nacional da Gastronomia Portuguesa seria bem sucedido, pois é preciso não esquecer o caráter agregador da tradição gastronómica portuguesa. Sentíamos que Portugal iria reunir-se à volta da mesa dos sabores portugueses para celebrar o melhor que se faz nas nossas terras. No entanto, foi com grande alegria que percebemos o sucesso da primeira edição. A tudo isso não é alheio o esforço desenvolvido pelas confrarias gastronómicas que desempenharam um papel fundamental na ramificação da gastronomia pelos diversos setores sociais”.  

gastronomia6Recorde-se que as duas primeiras edições do Dia Nacional da Gastronomia realizaram-se a 29 de maio de 2016 em Aveiro e a 28 de maio de 2017, no Aeroporto Humberto Degado, em Lisboa, envolvendo uma série de ações.

Em 2018, as celebrações do Dia Nacional da Gastronomia foram alargadas a todo o fim de semana. Nos dias 26 e 27 de maio, a gastronomia e os vinhos de Portugal viajam até ao norte, a Vila Nova de Gaia, cidade com uma gastronomia singular e uma história ligada inevitavelmente a um dos grandes ícones gastronómicos de Portugal – o Vinho do Porto.

A importância da literacia alimentar

A literacia alimentar e gastronómica a todos é “um dos nossos principais objetivos, seja aos mais novos, às famílias, e aos alunos das escolas de hotelaria. É preciso mostrar a importância da ligação da gastronomia ao território, à cultura local, à geografia. A atitude é sempre pedagógica, seja numa escola com alunos onde se ensina o receituário tradicional, seja numa prova de produtos onde é importante dar a provar, mas também mostrar porque aquele produto tem aquelas caraterísticas. A singularidade cultural, histórica, de saber-fazer, organolética ou geográfica deve ser devidamente explicada. Sempre praticámos uma alimentação saudável, por isso, não devemos perder essas raízes que nos permitiram equilíbrios nutricionais difíceis. O homem sempre soube cuidar de si e para não perdermos essa sensatez não podemos perder conhecimento”, revela Olga Cavaleiro.

gastronomia_cartazAs ações: destaques

Rota dos Restaurantes

19 a 27 de maio

Os restaurantes são agentes fundamentais na celebração da gastronomia. Cada um desempenha o seu papel na representação da diversidade dos melhores sabores portugueses destacando um prato português confecionado de forma típica, reinterpretado ou com um elemento da gastronomia portuguesa com descontos até 50%. Um vinil colado na montra permite identificar a ligação ao Dia Nacional da Gastronomia Portuguesa.

Metro da Trindade

24 de maio

O metro da Trindade vai ser palco de uma ação de promoção do Dia Nacional da Gastronomia surpreendendo os passageiros com sabores tradicionais aliados à modernidade da vida quotidiana.

Showcookings tradição e inovação

26 e 27 de maio

Para provar que a tradição ainda é o que era, as Confrarias Gastronómicas Portuguesas ensinam ao público alguns dos segredos mais bem guardados do receituário tradicional português. A inovação é uma das atuais linhas orientadoras da cozinha moderna. Algumas escolas de hotelaria e turismo do país estão presentes com os seus alunos – os Chefs do Futuro – para reinterpretar, juntamente com as Confrarias, grandes ícones da gastronomia portuguesa, mostrando o trabalho desenvolvido ao longo do ano.

gastronomia4Exposição “Que se Come e que se Bebe”

26 e 27 de maio

A gastronomia é também uma arte. Baseada neste pressuposto, a exposição “Que se Come e que se Bebe” é uma instalação artística feita com alimentos e uma chamada de atenção para a importância do não desperdício alimentar. Ao longo dos dias, a exposição - concebida e implementada pelas escolas de hotelaria do país - pode ser contemplada e no final do dia de domingo, os produtos em exposição são degustados pelos visitantes.

Animação

26 e 27 de maio

Em parceria com a Federação das Coletividades de Vila Nova de Gaia, um conjunto de animações vão preencher os dois dias de programa transformando esta celebração da gastronomia numa verdadeira festa cultural.

gastronomia10Balanço e expectativas

O balanço é mais do que positivo, “a fazer-nos acreditar que podemos crescer ainda mais, pois há ainda muitas instituições que podem ser envolvidas, o ciclo não está fechado. E, sobretudo, é preciso perceber que a gastronomia precisa de agregação entre a cultura, a educação, a economia e a saúde”.

Olga Cavaleiro acrescenta ainda que, para a edição deste ano, as expectativas são “as melhores de sempre. Estamos a falar de um local maravilhoso, o Cais de Gaia, que tem uma afluência de público extraordinária e que concentra tudo enquanto cenário perfeito para um fim de semana onde a gastronomia portuguesa vai ser rainha. Para além disso, convém não esquecer que este fim de semana fecha um conjunto alargado de iniciativas que fazem deste Dia da Gastronomia um movimento de 365 dias. Muitas atividades foram já desenvolvidas com as escolas de hotelaria da rede Turismo de Portugal, com a CP, com a TAP, com escolas do ensino básico, etc”.      

Por fim, “o brinde com Vinho do Porto à gastronomia portuguesa com o Douro como cenário é a celebração perfeita de algo que é sinónimo de identidade. No Dia da Gastronomia não será só a mesa a ser lembrada, mas será sobretudo Portugal e a sua diversidade a ser celebrada. E vale a pena celebrar porque Portugal sabe bem!“, rematou Olga Cavaleiro.

e-max.it: your social media marketing partner
Faixa publicitária
Faixa publicitária