Faixa publicitária

No Noise

no_noiseO DIY no menor festival de Verão

Após três edições confinadas ao limitado espaço físico da Sonoscopia, o No Noise expande este ano o conceito de menor festival de verão para uma área bastante mais vasta e uma programação alargada que inclui concertos, instalações sonoras, bancas com edições independentes e um espaço dedicado às crianças, o Kindernoise. Para apontar na agenda: já a 4 de agosto!

Ainda assim, com a mudança para um espaço mais amplo, o No Noise mantém o estatuto de menor festival de verão. “Continua a manter um espírito simples de comunhão e de ética DIY [Do It Yourself]. Gostamos de definir o No Noise como o menor festival de verão, como um não-festival, um ponto de encontro e de debate internacional em torno do experimentalismo”, disse-nos Gustavo Costa, da Sonoscopia, entidade que abraça esta iniciativa.

Este ano o palco será o Convento de Francos, no Porto, um espaço com cerca de 6000 metros quadrados com inúmeras salas e um grande espaço verde que é “habitado diariamente por três galinhas e uma simpática família de quatro cabras”.

Gustavo Costa é perentório: “O No Noise pretende ser um lugar de encontro de várias pessoas que sentem afinidades com várias formas de expressão artística, em particular com as vanguardas”.

E acrescenta: ”Esta edição pretende também dar a conhecer o Convento de Francos, um espaço particularmente vanguardista por resistir à tendência natural de transformação de espaços urbanos em empreendimentos turísticos e de imediata rentabilidade económica. Está a ser recuperado por uma associação de fiéis que pretende devolver este espaço à comunidade e mantê-lo fiel aos seus propósitos iniciais: a espiritualidade, a cultura, a comunhão e a solidariedade. Neste momento ainda há imenso trabalho a ser feito, e todos poderão ajudar o Convento de Francos através de uma campanha de apoio que está a decorrer nos CTT”.  

no_noise_1Trata-se de “um espaço intemporal, que nos faz esquecer que estamos no meio de uma cidade, e creio que isso tornará a experiência de quem vem ver e ouvir as várias propostas que temos no cartaz mais profunda e singular”.

Muitas novidades

Mas as mudanças não se ficam pelo espaço. Em sintonia e em paralelo com este novo palco foram introduzidas várias novidades na edição deste ano do No Noise, que se irá iniciar logo pela manhã com o Kindernoise, um espaço dedicado aos vanguardistas mais novos, com workshops, teatro de marionetas, música e circo.

Ao longo do dia haverá quinze concertos distribuídos por vários pontos do convento. “Destacamos os concertos de David Maranha & João Alves, dUAS sEMI cOLCHEIAS iNVERTIDAS, Ignaz Schick & Pedro Serrano, Innassaah Duo, João Pais Filipe, Krake, Parpar, Paul Abbott & Keira Greene, Paulo Eno e os Rantanplónicos, RRR, Stereoboy, Thea Soti, Mike McCormick & Mascha Corman, Will Guthrie, as instalações sonoras da Sonoscopia, Maria Mónica & Jorge Queijo e as atividades para crianças do Teatro de Ferro, Erva Daninha e Oficina Arara”.

sonoscopia2A Sonoscopia

A Sonoscopia é uma associação para a criação, produção e promoção de projetos artísticos e educativos, centrada nas áreas da música experimental, na pesquisa sonora e nos seus cruzamentos interdisciplinares com a literatura, a dança, o teatro e as artes visuais.

“Mantemo-nos como uma estrutura de criação em torno da música experimental, e os últimos anos têm sido extremamente prolíferos, com ligações muito fortes a uma rede internacional de exploradores sonoros. Queremos manter e solidificar esta rede, que na minha opinião é o lado mais poético de toda a atividade da associação”, garantiu-nos Gustavo Costa.

Em termos de novidades, para setembro “temos a primeira edição do Colexpla - Festival Internacional de Exploradores Sonoros, que irá trazer ao Teatro Carlos Alberto, no Porto, alguns nomes consagrados como Meira Asher, Ken Butler, V:TOL, Tomoko Sauvage ou Kaffe Mathews. Iremos também manter a nossa atividade regular do nosso ciclo Microvolumes, de onde podemos destacar a presença de Fred Lomberg Holm em novembro”, disse-nos o responsável.

Mas há mais novidades! “Estamos a trabalhar numa nova criação em parceria com o Teatro de Ferro intitulada W, que se trata de um concerto encenado para orquestra robótica, instrumentos não convencionais, marionetas e vídeo”.

e-max.it: your social media marketing partner
Faixa publicitária
Faixa publicitária