Faixa publicitária

Yolanda Soares

olandaDa simplicidade à grandiosidade

No passado sábado, 3 de março, o Coliseu do Porto recebeu Yolanda Soares e o seu “Royal Fado”, um espetáculo intenso, que só o ecletismo da sua música proporcionam.

A chuva, apesar de ter impedido alguma afluência ao concerto, não impediu a sua grandiosidade. Yolanda soube contagiar o público de início ao fim, tendo o cuidado de explicar este “Royal Fado”. Afinal de contas, o que é? Uma bela interpretação do repertório de Amália.
Mas como Yolanda reiterou é de uma fase muito particular da grande fadista portuguesa. Uma altura mais ousada. “É com esta fase que me identifico”, disse a soprano/cantora. “Porque eu também gosto de ousar”, acrescentou.
Com efeito, todos cantaram poemas de amor, brincadeiras com as palavras/ interpretações de Almada Negreiros, com uma deliciosa fusão entre fado e romantismo lírico. São, assim, revisitados deliciosos temas de Amália como “Com que voz”, “Amêndoa Amarga”, “Soledad” ou “Lianor”.
yolanda_e_bruno_almeidaRefira-se que este espetáculo junta ainda em palco, entre outros, o campeão do mundo em show dance Victor da Silva, a estreia mundial de danças latinas Anna Melikova, o tenor Bruno Almeida e ainda o grupo coral Alma de Coimbra.
Houve, assim, ballet, ritmos de tango, flamenco e sons muito harmoniosos, auxiliados pela harpa de Claire Jones, harpista da Casa Real Inglesa. Grandes performances aliadas a uma pormenorizada interpretação de Amália. Poderoso e envolvente.
Resultado final: um “fado” misterioso e elegante que contagia e envolve pela diferente abordagem musical que abarca ainda percussões místicas orientais, o cajon e o violino.
Yolanda explicou que foi a partir de contemplações da paisagem (zona ribeirinha) que chegou à ideia deste grande e ambicioso espetáculo. Tudo o que é grandioso começa da simplicidade. Ponto.
e-max.it: your social media marketing partner
Faixa publicitária
Faixa publicitária