Faixa publicitária

"Livro dos Condenados à Pena Última" recordado na sessão "Um Objeto e seus discursos"

obj_discursosUm juiz desembargador, um criminologista e um especialista em história política e institucional percorrem o "Livro dos Condenados à Pena Última" para falar sobre a pena de morte na próxima sessão do ciclo “Um Objeto e seus Discursos por Semana”. A iniciativa municipal está marcada para este sábado, no Museu do Tribunal da Relação do Porto, com início às 18h00.

Nesta "Relação dos Reos Sentenciados à Pena de Morte cujas Sn.ças são aqui Registadas", do Tribunal da Relação do Porto, encontram-se as sentenças de juízes de inúmeros tribunais, onde são condenados "a morrer na forca", "a morrer de morte natural", "à pena de morte" ou "a morrer de morte natural para sempre na forca".

No livro, refira-se, estão identificados 206 indivíduos, do sexo feminino e masculino, no período de 1836 a 1867, referindo-se a natureza do crime, a título de exemplo.

Neste sábado, estarão à conversa o presidente do Tribunal da Relação do Porto, Nuno Ataíde das Neves, o criminologista André Lamas Leite e o investigador em História Política e Institucional Luís Farinha.

A sala do Museu do Tribunal da Relação do Porto (no interior do  Palácio da Justiça, no Campo dos Mártires da Pátria) tem lotação de 100 lugares. A participação tem um custo de 2 euros. O bilhete pode ser adquirido em www.bilheteiraonline.pt ou nos locais habituais.

e-max.it: your social media marketing partner
Faixa publicitária
Faixa publicitária