Philips

“A Morte de Danton” regressa ao TNSJ e apresenta-se no palco “digital”

“A Morte de Danton” regressa ao TNSJ e apresenta-se no palco “digital”

Estreou-se em setembro de 2019, assinalando a primeira encenação de Nuno Cardoso enquanto diretor artístico do Teatro Nacional São João (TNSJ). Em território nacional passou por Braga, Aveiro e Lisboa e, no âmbito do Festival da União dos Teatros da Europa, “aterrou” em Cluj-Napoca, na Roménia. Agora, “A Morte de Danton”, uma produção própria do TNSJ, chega à casa daqueles que dela não podem sair para assistir a uma peça de teatro. O espetáculo será transmitido online sexta-feira, às 22h00, mantendo-se disponível para visualização até ao final do dia de domingo.

Danton, interpretado por Albano Jerónimo, e Robespierre, “encarnado” por Nuno Nunes, são as personagens centrais desta peça, que “recua até à Revolução Francesa e que, enaltecendo sentimentos de dúvida, convicções e arrependimentos, faz a ponte com a sociedade atual, que continua a confrontar-se com perguntas difíceis e decisões terríveis”, sublinha nota enviada à VIVA!.

Com um elenco de 13 atores que dão vida a 40 personagens, “A Morte de Danton”, de Georg Büchner, “põe o dedo na ferida”, já que olha para o “momento originário dessa «casa» em que vivemos, da própria contemporaneidade”, afirma Nuno Cardoso.

O espetáculo pode ser visto através da página oficial do TNSJ, no Vimeo, no e nas redes sociais [Facebook e Instagram] do São João.

Foto: João Tuna

PUB
www.pingodoce.pt/responsabilidade/premio-literatura-infantil/?utm_source=vivaporto&utm_medium=banner&utm_term=banner&utm_content=120520-faseilustração&utm_campaign=pli

Viva! no Instagram. Siga-nos.