BPI

Alunos do ensino recorrente obrigados aos mesmos exames para o Superior

Alunos do ensino recorrente obrigados aos mesmos exames para o Superior

Em comunicado, o Conselho de Ministros explica que o diploma aprovado “visa devolver aos cursos de ensino secundário recorrente a sua natureza de educação para adultos em contexto escolar, de acordo com um plano de estudos organizado”. Para o Ministério da Educação e Ciência, trata-se de uma forma de assegurar condições de igualdade a todos os alunos no acesso ao ensino superior.
O comunicado esclarece também que o documento foi aprovado para “corrigir uma injustiça”, especificamente no que diz respeito à utilização do ensino recorrente com “aproveitamento oportunístico”, para melhoria da média dos alunos que já concluíram o secundário e que procuram obter uma posição “ilegitimamente mais vantajosa” no acesso à formação superior.

PUB
lerlevanosmaislonge.pingodoce.pt/?utm_source=vivaporto&utm_medium=banner&utm_term=banner&utm_content=240919-maislonge5&utm_campaign=lermaislonge

Viva! no Instagram. Siga-nos.