BPI

Unicef alerta que pobreza urbana em Portugal “não desapareceu”

Unicef alerta que pobreza urbana em Portugal “não desapareceu”

Segundo a responsável, os bairros de barracas já praticamente não existem, mas, entre as “muitas pessoas que foram realojadas”, persistem “problemas que não ficaram resolvidos”. “Estamos num período de crise, em que o desemprego e os cortes sociais estão a refletir-se já na vida de muitas crianças”, admitiu, reconhecendo, contudo, que não existem dados específicos que confirmem as impressões recolhidas no terreno.
O relatório da Unicef para 2012 é dedicado à situação das crianças no mundo urbano,...

Ver Mais

Jovens agricultores do Porto exigem pagamento das ajudas em atraso

Jovens agricultores do Porto exigem pagamento das ajudas em atraso

De acordo com Joaquim Costa, um dos apoios é o pagamento da eletricidade verde reportada a 2010, que costumava ser paga até meio do ano seguinte, ou seja, até meados de 2011.

Ver Mais

Portugal Telecom admite aumentar postos de trabalho em Santo Tirso

Portugal Telecom admite aumentar postos de trabalho em Santo Tirso

À margem de uma cerimónia nos paços do concelho de Santo Tirso, o responsável revelou que, se o centro de atendimento “continuar a ter os resultados que tem tido”, não há qualquer razão para que o número de postos de trabalho não seja reforçado, “até porque o espaço físico disponível tem qualidades absolutamente ímpares”.
Atualmente, o centro de relacionamento e apoio técnico a clientes de Santo Tirso emprega 832 trabalhadores a tempo inteiro. Tal como explicou o presidente da autarquia, Castro Fernandes,...

Ver Mais

Durão Barroso surpreendido com aumento das exportações

Durão Barroso surpreendido com aumento das exportações

Numa conferência promovida pelo “think tank” Lisbon Council, dedicada à estratégia 2020 para o crescimento, Barroso sublinhou que “é importante o que estão a fazer [em Portugal] em termos de aumento das exportações e descoberta de novos mercados”. O chefe da Comissão Europeia admitiu, assim, que o país se pode transformar numa economia mais competitiva, tal como se espera com a aplicação do programa de ajuda externa.
“Estamos a ajudar o país a reformar o sistema, mas as reformas levam tempo a produzir...

Ver Mais

Funerárias confirmam número “anormal” de mortes em fevereiro

Funerárias confirmam número “anormal” de mortes em fevereiro

A mesma conclusão foi observada pelo Sistema de Vigilância Diária da Mortalidade do Instituto Nacional de Saúde Dr. Ricardo Jorge (INSA), que identificou um “pico” de mortes, associadas a “todas as causas”, na semana de 13 a 19 de fevereiro.
Durante o referido período, foram registadas cerca de três mil mortes no nosso país.

Ver Mais

Passos Coelho formaliza recandidatura à liderança do PSD na terça-feira

Passos Coelho formaliza recandidatura à liderança do PSD na terça-feira

Uma fonte social-democrata revelou que Passos Coelho vai entregar os documentos na sede nacional do PSD, em Lisboa, pelas 16h00, juntamente com Teresa Leal Coelho, diretora de campanha e vice-presidente da bancada do partido. Terça-feira é a data limite para a formalização de candidaturas à liderança do PSD, sendo que as eleições vão realizar-se no próximo sábado, dia 3 de março.
Os novos órgãos nacionais do partido vão, posteriormente, ser eleitos no XXXIV Congresso do PSD, agendado para 23, 24 e 25 de março, em...

Ver Mais

Pedro Passos Coelho prepara Conselho Europeu

Pedro Passos Coelho prepara Conselho Europeu

Esta segunda, a partir das 11h30, serão recebidos o PSD, PS, PCP, CDS-PP, BE e PEV, em reuniões com a duração prevista de 45 minutos. De tarde, serão também recebidas as centrais sindicais UGT e CGTP e a confederação empresarial CIP.
Amanhã, terça-feira, a partir das 9h30, Passos Coelho receberá as confederações patronais dos agricultores, do comércio e serviço e do turismo, CAP, CCP e CTP, respetivamente. O Conselho Europeu está marcado para quinta-feira à tarde e sexta-feira de manhã.

Ver Mais

Portas defende que renegociar a dívida é levar Portugal a “bater na parede”

Portas defende que renegociar a dívida é levar Portugal a “bater na parede”

Para o líder do CDS, “a conversa do não pagamos, reestruturamos e renegociamos”, poderá originar situações de “prédios incendiados, carros destruídos, parlamentos cercados, uma sociedade completamente dividida e um país desmotivado”, tal como está a acontecer na Grécia. Portas defende, assim, que os portugueses vão ser capazes de contornar as dificuldades, cumprindo os seus compromissos.

Ver Mais

Viva! no Instagram. Siga-nos.