BPI

Rui Veloso, Super Bock Arena – Pavilhão Rosa Mota

Rui Veloso, Super Bock Arena - Pavilhão Rosa Mota

Rui Veloso
14 dezembro, 22h, Super Bock Arena – Pavilhão Rosa Mota

O cantor Rui Veloso, considerado o “pai do rock português”, vai subir ao palco do renovado Super Bock Arena – Pavilhão Rosa Mota no dia 14 de dezembro, para um concerto de Natal que será “muito especial”.
Rui Veloso irá revisitar os grandes sucessos da sua carreira, com canções intemporais, que cruzam gerações, naquela que promete ser uma “noite memorável”.

Panda e os Caricas o musical
21 dezembro, 11h + 15h, Super Bock Arena – Pavilhão Rosa Mota
Era uma vez um Livro…
O Livro de todos os contos, de todas as lendas, de todas as fábulas… páginas e páginas de aventura que um dia… alguém levou! O Tesouro mais bem guardado da Biblioteca está incompleto e precisa de ser recuperado. A Cigarra anda perdida, o Lobo mau está disfarçado… haverá Fantasmas no Castelo? É preciso reescrever a história, e quem melhor do que o Panda e os Caricas para o fazer?!
Percorrendo cada página desse “Grande Livro” num cenário encantado de bosques e florestas, de palácios e castelos, os 5 heróis estão de volta para uma nova e extraordinária aventura, onde ler e sonhar é o grande desafio! Música, Luzes, Ação!
“Era uma vez…” é o novo espetáculo de Panda e os Caricas!

Carmina Burana | La Fura dels Baus
28 dezembro, 17h + 21h, Super Bock Arena – Pavilhão Rosa Mota
La Fura dels Baus regressa a Portugal em dezembro com “Carmina Burana”, uma extravagante produção.
Um espetáculo exuberante que une a força da música de Carl Orff ao universo extravagante dos La Fura dels Baus, uma companhia com 35 anos de atividade que se destaca pela sua linguagem e estética muito próprias e pelos milhares de fãs em todo o mundo.
Para Carlus Padrissa, membro fundador e diretor da companhia, “Carmina Burana”, de Carl Orff, é provavelmente a mais importante obra musical do século XX. São poemas que louvam a vida, enaltecem os prazeres carnais e o gozo da natureza humana, ao mesmo tempo que criticam e satirizam os costumes sociais e morais da época: “Os Fura dels Baus criaram um espetáculo com fortes quadros cénicos, capazes de transmitir toda a emoção poética dos textos que, apesar de terem mais de 800 anos, falam de desejo, e nos remetem à essência da espécie humana… E assim o ciclo se completa para voltar a começar.”
“Carmina Burana”, dos La Fura dels Baus, traz-nos cantores pendurados em gruas, submergidos em vinho e água, rodeados por fogo, vindimas ao vivo, quedas de água, efeitos especiais, projeções vídeo e fragrâncias florais que transportam o público para um mundo de sensações vitais a todos os amantes de música e artes performativas.
Em Portugal, a Lisbon Film Orchestra, a orquestra portuguesa dirigida pelo maestro Nuno de Sá, junta-se aos La Fura dels Baus nos espetáculos de dezembro em Lisboa e Porto.

PUB
Pingo Doce Sabe Bem

Viva! no Instagram. Siga-nos.