Pingo Doce - Alimentação equilibrada

Sérgio Conceição: “Temos de dar uma resposta de acordo com aquilo que é o FC Porto”

Sérgio Conceição:

O treinador do FC Porto fez esta sexta-feira a antevisão do encontro com o Desportivo das Aves, da 32.ª jornada da Liga NOS (sábado, 20h30).

Depois do empate em Vila do Conde (2-2), na última jornada, que permitiu ao Benfica assumir a liderança isolada do campeonato, o FC Porto joga a primeira de três finais até ao fim da corrida pelo título.

Na antevisão da partida, Sérgio Conceição falou sobre a situação de Iker Casillas e garantiu uma equipa decidida a “dar uma resposta de acordo com aquilo que é o FC Porto. Temos de ganhar, independentemente das dificuldades que vamos encontrar. O Aves está a fazer uma segunda volta fantástica. É o quinto classificado da segunda volta e isso diz muito. Depois de o Inácio pegar na equipa, a equipa joga de outra forma e tem apresentado resultados muito positivos. Estamos precavidos para aquilo que é o Aves. Estamos prontos para jogo. Queremos fazer um jogo consistente que nos dê a vitória. Aproveito para dar os parabéns ao Aves pela conquista da Liga Revelação.”

Relativamente a Iker Casillas, o treinador do FC Porto revelou que “a sua evolução é boa, ele está bem. É óbvio que a equipa sentiu isto, mas esta equipa é muito solidária e os jogadores sentiram esta situação como se fosse cada um deles a passar por ela. Ficámos apreensivos e depois soubemos da gravidade da situação, mas felizmente ele está bem. A equipa está com ele e unida a ele e à sua família. O futebol faz parte da vida, mas a vida em si é bem mais importante do que tudo o resto.”

Sérgio Conceição foi questionado sobre os protestos dos adeptos portistas no final do jogo em Vila do Conde no empate com o Rio Ave a 2-2, e considerou que o mais importante nesta fase da temporada é manter a união com o ‘mar azul’ e a ‘nação portista.

“Os anos passam e vamos ganhando alguma maturidade. Por vezes, antes de fazer algo, temos de refletir muito bem. A mim também me apetece rasgar a camisa perante alguns comentadores, que percebem menos de futebol do que eu de golfe ou Direito. O importante é olhar para o Mar Azul, para a nação portista, que tem de estar unida até à final da Taça de Portugal, no dia 25 de maio. Sou o que sou e só tenho uma palavra. Se o presidente achar que devo ficar e eu achar que temos condições para lutar por títulos, cá estaremos. Eu pertenço a esta casa. Esta continua a ser uma época à Porto. Fomos à final da Taça da Liga, estamos na final da Taça de Portugal, vamos lutar pelo título até à última jornada e já conquistámos a Supertaça. Somos grandes e os nossos Sub-19 também o demonstraram. Parabéns ao Mário Silva e a toda a estrutura do FC Porto, pois somos campeões europeus de Sub-19.”

Viva! no Instagram. Siga-nos.