Pingo Doce

UEFA abre processo ao FC Porto por atitudes racistas dos adeptos

UEFA abre processo ao FC Porto por atitudes racistas dos adeptos

Em discussão estão os insultos racistas dos adeptos aos futebolistas de origem africana Mario Balotelli e Yaya Touré, que no final do jogo se queixou.
Se a UEFA considerar que os insultos realmente existiram, o FC Porto incorre numa multa de 20 mil euros. Para os casos mais graves, o regulamento disciplinar prevê sanções adicionais, que podem ir de um jogo à porta fechada à desqualificação. Os “dragões” desvalorizaram o caso, defendendo que tudo não passou de um “mal-entendido”, já que os adeptos estavam apenas a incentivar Hulk.

Viva! no Instagram. Siga-nos.